Publicado por: J.Pinto | 2010/02/06

Situação de Portugal


O debate sobre as contas nacionais está ao rubro. Mais uma vez, como é costume, existem vozes díspares que ainda deixam os portugueses mais confusos quanto à verdadeira situação financeira das contas públicas. Concordo com algumas personalidades (como o Presidente da República) quando alegam que a situação portuguesa não é igual à grega. A verdade é essa, seja para o bem ou para o mal. Para o bem, digo eu. Portugal ainda não está na situação da Grécia: não tem uma dívida tão volumosa como a grega e o défice português, apesar de elevado é mais baixo. Não significa isto que não estejamos numa situação sensível, que se pede uma acção rápida. A dívida pública tem crescido sustentadamente; os défices acumulados nos últimos anos antecipam e acumulam mais dívida para o futuro; o crescimento económico não existe (ao contrário da Grécia que tem crescido mais do que nós); a despesa pública eleva-se para valores perigosos (andará perto dos 50% do PIB em 2009); etc. Escamotear estes dados é tapar o sol com uma peneira. O ponto mais negativo desta onda de desdobramentos e declarações políticas é que parece que continuamos a não querer assumir o real estado das nossas contas públicas. Acredito que com uma política de rigor a sério ainda podemos passar ao lado de um tumultuoso futuro. Mas as medidas são urgentes e ontem já era tarde…


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Categorias

%d bloggers like this: