Publicado por: J.Pinto | 2009/11/23

Aumento de Impostos


Victor Constâncio voltou a falar na necessidade de aumento de impostos. O nosso défice orçamental indica-nos a percentagem de despesas que não conseguem ser pagas pelas receitas. Portugal tem mantido, ao longo dos últimos anos, uma despesa estrutural elevada, que tem sido paga pelo aumento mais ou menos constante das receitas, seja por via de aumento da carga fiscal ou do combate à fuga e evasão fiscais. Urge uma mudança rápida de estratégia nas contas públicas. Este rumo não se altera com meias medidas nem com um mundo cor-de-rosa. A nossa despesa é demasiado rígida para ser alterada e as receitas não crescem porque a economia também não cresce. Os investimentos improdutivos ajudam a aumentar a despesa com juros e reembolsos de dívida, sem que contribuam para um maior aumento de produtividade e, consequentemente, das receitas fiscais. A opção de aumentar os impostos é inalterável a não ser que se diminuam as despesas fixas e/ou as sociais, que neste ambiente de crise e de instabilidade no emprego são necessárias.


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Categorias

%d bloggers like this: